Notícias 2017

Está aberta a chamada de artigos para a quarta conferência bienal da Association of Critical Heritage Studies (ACHS), que se irá realizar de 1 a 6 de setembro de 2018, na Universidade de Zhejiang, em Hangzhou, China.

O doutorando Nuno Simão Gonçalves, participou no seminário Património Cultural Suburbano de Maputo, que decorreu de 7 a 8 de novembro de 2017, no Salão Nobre do Conselho Municipal de Maputo, em Moçambique.

O doutorando Nuno Lopes, irá apresentar publicamente a sua dissertação de doutoramento intitulada O sistema defensivo de Goa (1510-1660): influência na composição do território contemporâneo.

Nos dias 19-20 de Outubro, terá lugar na Sala 1, CES Alta, em Coimbra, a oficina The fields of decolonisation: the (post)colonial African cases and dynamics of the Portuguese empire.

A Fundação Calouste Gulbenkian (FCG), através dos seus Programas Parcerias para o Desenvolvimento e Língua e Cultura Portuguesas, organiza e acolhe o curso de curta duração Patrimónios: recursos para políticas de desenvolvimento, que terá lugar entre 2 e 13 de outubro de 2017, destinado a agentes culturais nacionais de Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique e São Tomé e Príncipe, implicados em atividades no âmbito do património material destes países.

A conferência internacional African Urban Planning decorreu nos dias 7 e 8 de setembro no IGOT-UL. O DPIP fez-se representar por Walter Rossa, Nuno Simão Gonçalves, Lisandra Mendonça, Beatriz Serrazina e Filipa Fiúza.

Miguel Bandeira Jerónimo e Hugo Gonçalves Dores, participam na conferência internacional SHAPING EDUCATION IN THE (POST)COLONIAL WORLD: ACTORS, PARADIGMS, ENTANGLEMENTS (1880s-1980s), que se irá realizar de 14 a 16 de setembro de 2017, na Universidade de Lausanne, Suíça.

Foi lançado o Relatório final do evento Oficinas de Muhipiti: planeamento estratégico, património, desenvolvimento, que se realizou de 19 a 29 de julho de 2017, na Ilha de Moçambique, numa produção conjunta das universidades de Lúrio e de Coimbra no âmbito de um quadro de cooperação.

As Oficinas de Muhipiti encerraram no dia 28 de julho com a inauguração e apresentação à comunidade da exposição dos trabalhos realizados pelos estudantes das universidades de Coimbra e Lúrio.

A peça de teatro, Tenho trinta anos, estou na cadeia há quatro, baseada em alguns Papéis da Prisão de Luandino Vieira, entra em cena a 7 de julho de 2017, pelas 19h, na Zona de Congressos do Edifício Sede da Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa.